domingo, 15 de novembro de 2009

2do ciclo - TAREFINHA SOBRE O PRETÉRITO IMPERFEITO

Pessoal, como a gente acabou de aprendeu o Pretérito Imperfeito, proponho o seguinte exercício: coletem dados sobre como era a vida faz 20 ou 25 anos atrás -aproximadamente quando vários de vocês estavam nascendo- quanto à família, ao trabalho e à diversão, e em aula vamos estabelecer algumas comparações entre aquela época e a atual. Podem ir escrevendo o resultado das suas pesquisas aqui no blog, enquanto nós vamos discutindo o assunto em aula, tá bom?

Aguardo seus comentários, então.

28 comentários:

  1. tema da família há vários anos, havia muitas famílias com mais de 8 crianças foram muitos membros de uma família, as famílias hoje são pequenas, às vezes uma criança ou três, mas não antes que as famílias eram conservadores, tradicionais , hoje foi perdido estas tradições

    trabalhos anteriores não foram tão variados como agora, as pessoas que trabalham em suas propriedades provincial, não ia agora acabam escolhendo empregos

    antes das férias eram tradicionais em forma de vestir e de dança, música e permissões, tudo agora é final alrevez ia, a música é variada e gênero de todos, a roupa é muito diferente, e há muita liberdade em licenças

    ResponderExcluir
  2. Tempo atras as familias eram mais unidas, tinham mais tempo para fazer coissas juntas, os pais não tinham que trabalhar tanto tempo como agora. Não existia o stress. Os paes eram os que trabalhavam fora, pocas maes tambem ,mas os doiz agora trabalham.

    Antes não era muito importante falar outras linguas para conseguir trabalho, agora é muito importante falar e escrever, para procurar um bom emprego.

    A diversão, as festas comenzavam mais cedo, a roupa e as musicas eran diferentes, a genti não saia muitos e não haviam tantos clubes nocturnos.

    Carla Agreda
    Sabados

    ResponderExcluir
  3. Eu acho que as famílias, tinham outra organização, eram mais conservadoras. Onde as normas de vida estavam marcadas pelos pais. Por exemplo, nas horas de jantar toda a família devia estar na mesa, podíamos conversar e o pai perguntava que tínhamos que fazer durante o dia ou como nos foi na escola. A mamãe lembrava o que tínhamos que fazer logo, como arrumar os livros, limpar o dormitório, fazer um bolo ou bolachas, etc. Os domingos a casa dos avôs era um ponto de encontro, para jantar e ter conversações com tios, primos netos ao redor dos avôs, todos nos juntávamos com muita alegria, mas com respeito e solenidade. A hora do cafezinho ahh!! O avô contava os contos.

    Em quanto ao trabalho sim duvida era mais estável, depois de três ou seis meses as pessoas tinham estabilidade laboral. Também os salários ficavam fixos assim como os horários, se respeitava os direitos de os trabalhadores.

    Acho que eram como mais estabelecidos, as festas eram mais familiares. Os clubes só abriam os finais de semana e ate meia noite, os aniversários se celebravam em casa os passeios ao campo não eram muito freqüentes ademais se tinham que levar a comida, pois não havia restaurantes como agora.

    Emilia

    ResponderExcluir
  4. Anos atrás quando eu ainda não estava aqui, as coisas eram um pouquinho diferentes do que são agora.
    Falando em família, antes ela era mais unida e os pais eram um símbolo de respeito para os filhos. Agora os filhos querem fazer sua própria vida. Não ficam muito tempo em casa porque estão estudando, trabalhando ou simplesmente já não gostam mais de usufluir da companhia dos pais.
    Era comum as reuniões em casa junto à família para festejar os aniversários. Avôs, tios, primos a amigos sempre estavam presentes. A mãe e a avó costumavam fazer uma ceia bem grande e todos ficavam em casa comendo, bebendo, rindo e desfrutando de um momento em família. Hoje em dia quase todos (os garotas e garotos) os garotos e garotas celebram os aniversários em discotecas ou bares, só com seus amigos ou pessoas de sua mesma idade.
    Eu acho que tudo isso acontece porque o desenvolvimento da sociedade muda nossos costumes e nosso estilo de vida com o passar do tempo.

    Brenda Alvarez

    ResponderExcluir
  5. Anos atrás, as famílias eram mais numerosas, eram compostas de 6 ou 8 membros. Além da mãe sempre cuidava dos filhos em casa eo pai trabalhiava.Agora os dois são tem que cuidar das crianças.

    Anteriormente, as empresas não estavam preocupados por seus trabalhiadores. Agora dão formação, seminários para eles.
    A crescente globalização faze que os paises tem relações comerciais com outros países.

    E, finalmente, sobre a diversão, antes as pessoas não teniam muitas opções para divertir - se, agora há para a diversão, cinemas, teatros, parques de diversões,discotecas, etc.

    Todas essas mudanças têm ocorrido, porque agora é muito importante a felicidade e superação da pessoa

    Judith Alvarado

    ResponderExcluir
  6. Anos atrás as familias eram mais unidas, eles casi sempre tinhan mais de dois filhos. Eles tinhan mais tempo para reunirse, os domingos eles sempre passavam com os avós, os primos, os tios; era costume reunir mais de 3 gerações. A familia era mais tradicional e conservadora.
    Os trabahlios foram mais descansados, a gente não trabalhava os domingos. O domingo era o dia em que as pessoas descansavam e passavam tempo con sua familia. Não se trabalhava de noite; hoje em dia os homens são facilmente substituídos por máquinas que fazem seu trabalho em menos tempo.
    Para a diversão as pessoas tinhan por constumbre celebrações familiares, os pais estavam presentes nas festas. As festas só eram até as 3 de manhã; agora as festas som até as 5 ou 6 3 de manhã.

    ResponderExcluir
  7. eu acho que a vida era diferente 25 anos atrás ao existia a tecnologia do presente como: o computador, a internet celulares e outras coisas que agora sao indispensavél em nossa vida.
    as familias eram numerosas compostas por 5 o mais filhos agora as familias sao mais pequenas só 2 ou 1 filho.
    os pais passavam mais tempo com seus filhos no presente eles trabalham mais.
    no trabalho as pessoas tinham un trabalho atualmente algúmas pessoas tem 2 trabalhos porque precisam mais dinheiro. é normal que muita gente tem mais de uma profissao no presente .

    ResponderExcluir
  8. Há vários anos, as famílias tinham outros hábitos muito diferentes que agora; eles eram muito numerosos,havia mais comunicação e passavam mais tempo juntos: exemplos, na hora das refeições, nos fins de semana saiam de passeio.
    Reuniões de família eram especiais porque todos estavam reunidos especialmente no Natal, Ano Novo, ou por qualquer aniversário.
    O pai de Família se preocupava dos gastos da casa e a mãe ficava ao cuidado das crianças, era pouco comum que a mulher trabalhasse ao mesmo tempo que o homem, havia mais machismo que agora.
    O trabalho era estável e bem pagado, davam mais facilidades.
    A educação era mais tradicional e estudavam todo o dia.
    Anos atrás as pessoas eram mais tranqüilas e não havia tanta delinqüência e podiam sair tranqüilas depois de alguma festa, as quais não duravam tanto tempo que agora.

    Hoje em dia as famílias têm poucos filhos apenas dois, ambos pais trabalham e não passam muito tempo em casa, os filhos preferem sair a jogar com seus amigos ou estar em frente ao computador, e cada vez há menos tempo para passar em família.
    A situação laboral a mudado muito, os salários não são bons e as necessidades aumentam a cada dia, não há estabilidade laboral e se tem que trabalhar mais das horas estabelecidas para aumentar os ingressos.
    A educação mudou muito graças ao avanço tecnológico e ao internet que permitem aos alunos aprender coisas novas, mais dando bom uso.
    As pessoas buscam sair da rotina do trabalho e saem a divertir-se, agora as festas duram mais tempo, e se corre mais perigo porque as pessoas não se cuidam e tomam demais provocando acidentes automobilísticos.

    Heri

    ResponderExcluir
  9. Bom

    As costumes familiares eram diferentes das de hoje. Como o número de membros da família, eu lembro quando meus pais me falavam que estavam saindo da era militar que entre o período de democracia, os costumes eram muito rígidos em suas famílias, minhas tias não poderia ter seu namorados aos seus moradas; a menos que eles estavam pensando em casar-se com elas, e minha mãe tinha que pensar várias vezes antes de levar a meu pai para o morada de meu avô para apresentá-lo como seu namorado. Além disso, lembre meus pais disseram-me que havia pouca tecnologia e televisões, rádios eram lentos para carregar e, portanto, ficavan, quase todo o seu tempo, nas ruas a jogar com os amigos do bairro, antes que fosse tão inseguro andando pelas ruas. Além disso, eles são de provincia, defini-lo como mais seguro do que o capital até o momento.

    Miguel Seminario

    ResponderExcluir
  10. No mundo da arquitetura, construções e decorações em Lima nos últimos 100 anos há muito para narrar, mas é inevitável apreciar como nossa cidade há evoluído constantemente desde princípio do século vinte, por exemplo como eram nossas avenidas principais com as casas típicas limenhas, os edifícios de escritórios, as praças principais no centro da cidade, as decorações típicas das casas das famílias limenhas, etc.
    Primeiro vou descrever a evolução da arquitetura com respeito a algumas características importantes, entre os anos 1900-1920 os arquitetos procuravam desenhar com influências de estilos antigos, mas eles punham elementos arquitetônicos característicos da região, istos trocavam todo o estilo original que era dos Europeus. Esses estilos novos eram chamados também como Neo-Barroco, Neo-Clássico, Neo-Renascimento usavam-se para desenhar edifícios do governo, bancos, casas, igrejas, cemitérios, praças, por exemplo, Palácio do Governo, Palácio de Justicia, Catedral de Lima, Igreja de Nazareth, Banco Central de Reserva, Casa Rada, Cemitério o Angel, Cemitério Presbítero Maestro, etc.
    Era muito conhecido também nessa época o estilo Indigenista e Neo-Peruano que tinha grandes influências regionais que expressavam formas e decorações bem particulares e que foram usados em museus, parques (Parque da Exposição), etc.
    O estilo Buquê usava-se em casas como, por exemplo, na Avenida Arequipa e tinha as características típicas de um navio com janelas com forma redonda, varandas com grades de ferro, também nesta época 1920-1940 usavam-se o Art-Novo e Art-Deco principalmente essas eram influências modernas que traziam novas idéias para a arquitetura e decoração na cidade. Nessa época era muito comum encontrar novos edifícios de escritórios em distritos que recém estavam emergindo, fora da antiga cidade estava-se construindo novos distritos como San Isidro, Miraflores, Barranco, Chorrillos.
    Os estilos Neo-Clássico, Neo-Renascimento, Neo-Peruano, Art-Novo e estilos mistos com influências dos Europeus construíam-se normalmente nas grandes casas de famílias adinheiradas, nessa época as casas em Chorrillos e Barranco eram para os verãos e também tinham casas em centro da cidade como a casa Torre Tagle, Goyeneche, etc.
    As praças principais, como Praça San Martin, Bolognesi, Union, Dos de Mayo eram muito importantes na vida social, por exemplo, havia teatros, museus, escritórios do governo e privadas.

    ResponderExcluir
  11. Nos anos 1940-1960 a cidade de Lima estava trocando porque miuta gente da Sierra do Peru estavam vindo a morar e trabalhar aqui. Conhece-se esta época por a presença de militares no governo. Na arquitetura nessa época demonstrava maximo poder do governo era por isso que construíam grandes edifícios como os edifícios dos ministérios de Defensa, educação, Interior, Museu da Nação, Pentagonito, etc.
    As pessoas das Províncias estavam invadindo novos lugares que depois trocaram em distritos consolidados San Juan de Lurigancho, Villa el Salvador, Comas, etc. Moravam em esteiras e em condições péssimas.
    Havia um estilo particular que construia-se nessa época até hoje, são casas com dois andares e que têm tetos inclinados (também conhecido como Neo-Ayacuchano).
    Nos anos 1960-1980 os arquitetos e engenheiros construíam com outra visão sobre os materiais de construção, por exemplo, estava o concreto como principal elemento para a estética dos edifícios e casas. O concreto exposto era muito comum nessa época, as paredes não tinham muitas decorações, tinha-se uma influência bem forte desde U.S.A, Europa e Brasil, muitos arquitetos estrangeiros vinham com novos conceitos de formas, espaços modernos.
    Em redor dos anos 70s e 80s havia uma forte tendência às formas simples, puras e já estava-se construindo com um novo sistema e melhorado de construção, com colunas e vigas de concreto, isto ajudava a reforçar as construções com muitos andares.
    Nos anos 80s estava o presidente Arq. Belaunde Terry e ajudou muito para construir edifícios de departamentos em Lima, há muitos conhecidos como Residencial San Felipe, Torres de Limatambo, Torres de San Borja, etc.
    Nesta época também havia novos centros emergindo como Miraflores e seu centro Turístico, San Isidro e seu centro financeiro-comercial.
    Nos anos 1990s havia uma tendência bem forte com respeito à globalização em materiais, estilos, influências de arquiteturas estrangeiras.
    A partir dos 90s Lima tinha uma economia melhorada e isto foi uma porta aberta ao mundo globalizado, muitos arquitetos que estavam fora regressaram e começaram a desenhar aqui.
    Estes arquitetos que se foram nos anos 80s por o terrorismo, estavam oferecendo uma capital mais contemporânea.
    Agora no século vinte – uno a arquitetura, as construções e as decorações hão trocado à cidade de Lima, as pessoas podem ver uma nova cidade que oferece vanguarda, mais seguridade, e não por isso pode-se dizer que já está tudo bem feito.
    Ainda temos muitas coisas para melhorar nossa cidade e não todo o trabalho é dos arquitetos e engenheiros.

    ResponderExcluir
  12. Oi Lev, acho que meu comentário é diferente e mais longo... mas sim está relacionado com a cidade onde as famílias hão ficado tudo este tempo e como há evoluido.

    ResponderExcluir
  13. Tá ótimo Amélia, pois além de usar os pretéritos imperfeitos (a tarefa propriamente dita, você nos dá uma lição de arquitetura!

    ResponderExcluir
  14. Oi Lev!

    Eu não acho que a vida há vinte ou vinte e cinco anos seja diferente à atual por a quantidade de filhos, ou que o homem trabalhava e a mulher não. Penso que fazer tais diferenciações não é tão apropriado levando em conta que se trata de comparar a vida em um período de vinte anos (de repente sim é pertinente se queremos comparar a nossa criação com a dos nossos pais). Contudo, isso não quer dizer que a vida não é agora diferente; pelo contrário, o vertiginoso avance da tecnologia simplesmente tem mudado o mundo. Antes, a vida era mais lenta, principalmente pelas comunicações. A internet tinha sido criada, sim, mas não era uma ferramenta massiva. Isso, sem dúvida alguma, fazia totalmente distinto o modo de trabalhar, de estudar, de saber as coisas que sucediam noutras partes do planeta. Por esse motivo, as relações comerciais não estavam tão desenvolvidas, não existindo novas profissões e especializações como as que há agora (p. ex. relações internacionais, comercio exterior e internacional, etc.).

    Quanto à vida das famílias peruanas, penso que a década dos 80s era uma época de transição entre o “antigo” (a forma como os pais de nossos pais viam o mundo, e assim se o ensinaram a estes) e o “atual”. Parece-me que o cambio foi dado por nossos pais –pelo menos assim sucedeu com os meus–: Eles decerto mudaram a sua forma de criar às crianças; de repente deram-se conta que era melhor criar-las de outra maneira.

    Finalmente, ¿a diversão tem mudado? Definitivamente. Mas não somente porque há novas discotecas ou novos lugares para entreter-se, senão porque a sociedade, atualmente, é cada vez mais consumista; isto quer dizer que as pessoas gastam muito mais que antes, e demandam entretenimento que, obviamente, os empresários são capazes de dar-lhes. Há vinte ou vinte e cinco anos, também haviam discotecas, partidos de futebol, bares, etc. Antes a gente também se divertia, fazia coisas locas; não obstante, atualmente os requerimentos são enormes e mais diversos.

    Abrazos,

    Renzo

    ResponderExcluir
  15. Eu acho que 25 anos atras a gente falava mais con seu familia. Os filhos preguntabam a seus pais todas seus dúvidas, agora eles procuram tudo do internet.
    Os namorados tinham que falar para casa de seus namoradas e primeiro falar com seus pais antes de falar com elas, agora tudo e por celular ou messenger.
    As biliotecas eram mais usadas por os estudantes, o transporte público era menos pesado que nistos días. A forma de ver a vida era muita diferente que agora.
    *Coralí*

    ResponderExcluir
  16. Eu acho que 25 anos dantes a vida em general era muito diferente em muitos aspectos por exemplo nesses tempos se conformavam com ver televisão nacional e em alguns casos em branco e preto, olhavam as peliculas em primeira dimension nos cinemas, comiam comidas mais saudáveis, os programas de televisão eram mais educativos o mundo tinha menos violência e inclusive menos doenças no entanto agora, existem os televisores plasma, se pode ir ao cinema e ver peliculas em terceira dimensão, a juventude tem uma mentalidade mas aberta e até se perderam os valores, por falta de tempo as pessoas comem "fast food", que não é saudável, há mas doenças e vírus, eu acho que as coisas deveriam ser como dantes em alguns aspectos e talvez melhorariam as coisas no mundo.

    María Grazzia Monasterio T.
    2do ciclo.
    5:00 p.m - 7:15 p.m

    ResponderExcluir
  17. antes as famílias eram grandes em uma casa havia 8,9 ou 10 filhos. Mas agora são pequenas têm 2,3 o máximo são 5 filhos. se decia que tinham muitos filhos porque não existia o televisor jiji.
    antes as reuniões começavam temporão e terminava cedo às 10 da noite já estavam em suas casas mas agora as festas terminam na madrugada ás 3,4 da manhã, os filhos têm mais liberdade para sair e também já tens mais variedade de diversão eles podem escolher onde dançar.
    antes nos trabalhos as pessoas trabalhavam mais porque não tinham muita tecnologia para poder fazer as coisas. agora com as tecnologias as pessoas se facilitam e poupam tempo eles podem fazer mais coisas ao mesmo tempo , também têm que se adaptar ás novas tecnologias e idiomas para poder ter um melhor posto de trabalho e ganhar mais dinheiro.


    stephany aller osis

    ResponderExcluir
  18. Naquela epoca as coisas eram muito diferentes, os computadores não foram generalizados e nós tivemos que fazer os documentos de escrito. As praias da moda eram "Ancon", "La Herradura" e os pontos de encontro no "Av. Larco" agora tudo isso é resumido em um só lugar "Ásia", as meninas estavam loucas pelo grupo "Menudo". No início dos anos 80 também foi uma das últimas classificações da selecção peruana a uma Copa do Mundo de futebol "Espanha 82" neste momento nós somos testemunhas de umas das piores campanhas da selecção peruana, em direcção a um mundial de futebol. Outra coisa resaltantes que é também é que, em meados dos anos 80 no Peru experimentou uma das piores crises econômicas em que as pessoas tiveram que esperar em longas filas para obter alimentos e ele também tinha um custo muito elevado, têm agora o mesmo governante, nesse momento ele diz que temos uma das melhores economias de Latinoamérica. No final da década de 80 pessoas ficaram horrorizados com uma dança chamada "Lambada" e que iria pensar que agora a daça Chamada “Perreo” é muito peor.


    Juan Calcina

    ResponderExcluir
  19. Naquela epoca as coisas eram muito diferentes, os computadores não foram generalizados e nós tivemos que fazer os documentos de escrito. As praias da moda eram "Ancon", "La Herradura" e os pontos de encontro no "Av. Larco" agora tudo isso é resumido em um só lugar "Ásia", as meninas estavam loucas pelo grupo "Menudo". No início dos anos 80 também foi uma das últimas classificações da selecção peruana a uma Copa do Mundo de futebol "Espanha 82" neste momento nós somos testemunhas de umas das piores campanhas da selecção peruana, em direcção a um mundial de futebol. Outra coisa resaltantes que é também é que, em meados dos anos 80 no Peru experimentou uma das piores crises econômicas em que as pessoas tiveram que esperar em longas filas para obter alimentos e ele também tinha um custo muito elevado, têm agora o mesmo governante, nesse momento ele diz que temos uma das melhores economias de Latinoamérica. No final da década de 80 pessoas ficaram horrorizados com uma dança chamada "Lambada" e que iria pensar que agora a daça Chamada “Perreo” é muito peor.
    Juan Calcina

    ResponderExcluir
  20. 25 anos atrás, a vida era diferente em muitos aspectos. As pessoas tinham muitos filhos e a uma edade muito cedo como 21 ou 22, principalmente as pessoas da serra e floresta; agora as pessoas só têm 2 ou 3 filhos. Os pais eram mais rigurosos e por isso as crianças eram mais sossegadas.

    Antes, os país trabalhaban mais que as mulheres porque elas se dedicaban mais aos filhos. As pessoas de condição pobre trabalhabam na agricultura ou pecuária e agora muitos deles têm seu próprio negócio.

    Antes os garotos y garotas não tinham Internet em casa e gostavam de jogar com seus amigos ou ir a festas, mas voltabam cedo a suas casas. Agora, quase todos tem internet em casa e chegam tarde da festas como 3 ou 4.


    Cindy Romo Juica

    ResponderExcluir
  21. Anos atras as familias eram mais numerosas, un casal pode têr mais de 7 crianças, a subsistência familiar esteve só a cargo do pai. que trabalhava fora emquanto a mulher ficava em casa para cuidar dos filhos e do lar. Agora as familias são pequenas ambos pais trabalham fora e compartem o trabalho doméstico.
    A tecnologia mudou a vida das pessoas, os computadores agora têm um papel importante nos negócios, trabalho, educação e comunicações,que são mais rapidas. através da internet agora temos acesso a mais informações. As mudanças da vida é mais rápida e freqüente.

    Blanca Jurado

    ResponderExcluir
  22. Anos atràs as familias foram muitos numerosas,eram mais unidas,muitos conservadoras mas comunicativas,eram muito importante la comunicação entre pais e filhos valores dominantes A educação era muito exigente.
    Agora, as famílias são pequenas e, na maioria deles pais trabalham para manter o familiay não têm tempo para conversar com seus filhos e é por isso que a maioria dos jovens a procurar afeto e comunicação na rua que não estão em casa porque não há controlo parental, ahiora jovens vivem apenas o presente e não pensar no futuro.

    Em relação ao trabalho foi muito estável anios atrás, mas agora existem muitas ocupações relacionadas às novas tecnologias.

    encontrar trabalho é cada vez mais exigente, porque quando ele está mais preparado e tem mais experiência, é mais fácil encontrar trabalho
    Agora, o trabalho não são estáveis horas de trabalho nem sempre são oito horas eo salário é mínimo. as leis devem ser respeitadas para nós trabalhadores

    o desvio de anos atrás era diferente da de hoje eu me lembro quando eu tinha quinze anos recentemente me permitiu ir a festas com a presença de minha mãe e só até o meio da manhã, os músicos eram muito conservadores não tão escandalosas como agora. antes de os jovens não eram permitidos para beber ou fumar até que vire dezoito,agora desde os quinze o fazem eles não têm controlo parental.

    Segundo Ciclo
    Sabados 9-12

    ResponderExcluir
  23. Eu acho que a familia hace vinte e cinco anos eran diferente, porque os mombros da familia compartiam mais tempo juntos, mais agora os pais trabalhan todo o día e os filhos estudam todo o dia também o aveces eles preferem passar mais tempo com seus amigos que com os pais.
    O trabalho e mais exigente hoje. Uma pessoa tem que ter não uma só profição senão também uma pessoa tem que ter especializaçoes, falar mais de uma língua e ademais de todo isso algumas firmas preferem gente jovem

    Outros foram as diverções naqueles tempos, a música, as brincaderias para as crianças, eles brincaban entre eles e tinham mais imaginação para inventar novas brincadeiras, mais agora são diferentes mais individualistas, algunos preferem brincar pelo internet o com jogos electronicos como o Nintendo, os pais jogam um papel importante, eles tem que ensinar a ler mais livros.
    LISSETH LIPA
    Segundp Ciclo
    Sab. 9-12pm

    ResponderExcluir
  24. Mil novecentos e oitenta foi o tempo de muita violência política no Peru. O razão que gerou isso foi o Partido Comunista de Perú Sendero Luminoso (PCP-SL), eles foram o grupo de intelectuais que começaram a guerra popular e formaram o grupo subversivo contra o governo peruano. Esse movimento nasceu em Ayacucho.

    Além de, o primeiro governo de Alan García foi o desastre econômico para nosso país y para muitas pessoas. García não sabia como dirigir a administracão pública. Ele, por exemplo, deixou que às forzas militares interviram nesta guerra popular e assassinaram muitos inocentes em todo nosso país.
    Também, nesse tempo, houve muita escassez de alimentos. Por exemplo, houve uns mercados que se chamavan mercados de povo onde só você podia comprar uma o duas unidades de um produto. Eu lembro que minha família tinham que fazer longas filas para comprar as coisas para jantar e que minha mãe saía muito cedo para o mercado e ela voltaba para casa só com dois quilos de arroz para toda a semana.

    Além de, houve muitas greves e injusticia social. Muitas pessoas não tinham o trabalho e tinham que buscar a maneira de vivir, por isso foram ambulantes, pessoas que trabalham na rua sem ninguem protecão. Assim mesmo, aumentou o proceso de migracão, muitas pessoas da serra vieram a Lima por o terrorismo.

    A diversão foi muito limitada porque havia o toque de queda. Nós tivemos que estar em nossas casas antes de dez da noite. Essa foi uma maneira de protecão contra o terrorismo. Eu lembro que tinha que deitar às oito da noite porque nós não tinhamos luz, porque o MRTA, outro grupo terrorista volava às torres de electricidade de nossa cidade.

    Janet Díaz Manunta
    Segundo Ciclo
    segundas e quartas feiras
    5 - 7:15

    ResponderExcluir
  25. A vida faz 20 ou 25 anos, era muito diferente, as famílias falavam, compartilhavam muito, agora estas não fazem cosas em comum, não têm muito tempo para as crianças, estas são cuidadas pela TV (Discovery Kids) e os pais trabalham muito, as casas são pequenas e os filhos pesquisam diversão na computadora e jogos de vídeo eles não gostam muito da naturaleza.

    Referente á diversão eu acho que a gente gosta dela, pois permite que eles olvidem seus problemas, antes a diversão era mais saudável existiam limites somente se dançava e tomava ate cedo; agora a diversão é muito variada e exitem muitos clubes com barulho que estão abertos durante toda a noite os garotos e garotas gostam de a diversão entre amigos eles não gostam de suas casas, eles tamben gostam de as cosas novas.

    ResponderExcluir
  26. Eu concordo com os comentarios da mudanza da familia, do trabalho e da diversión. A família mudou, o núcleo familiar, composto pelas figuras do pai, da mãe e dos filhos, hoje é diferente. Um lar pode ser constituído pela avó, um neto, una mãe e um tio, mas o descompasso acontece pela mudança na organização familiar. As obrigações precisam ser mantidas (os papeis da família são provedor, de cuidado e de autoridade)... Acho que os pais relaxaram demais, sucumbiram à modernidade e tecnologia… algumas coisas melhoraram como a liberdade mas alguns aspectos se tornaram mais liberais. Trocaram as simbologias: como o lugar marcado na mesa para o pai e cada membro numa família. Trocaram os valores, hoje e mais importante que o domingo seja um dia de compras no shopping do que um dia de Missa ou de ficar reunido no lar. Nos 80’s a família ficava reunida em frente da TV da sala, pois era a única que tinha. Hoje, cada um tem a sua tv no seu quarto, e não só tv, cada quarto é um mundo aparte com tudo o que precisa para viver: TV, computador com internet, som, telefone, frigobar, ainda não existe o diálogo.

    ResponderExcluir
  27. ......As mudanças ocorreram rápido demais com a assimilação da mulher no mercado de trabalho e estímulo à sociedade de consumo. Agora os dois pais saem cedo para o trabalho e ficam fora durante todo o dia e deixam o filho com a babá, ela é a mãe. O trabalho, é mais fragmentado, mais heterogéneo e nao e estável; a massificação da sociedade inseriu a mulher no mercado laboral, com a gradual mudança da figura da mulher como doméstica e a de pai como o grande gerador da renda familiar. Pelas inovações tecnológicas e organizacionais o trabalho transformou-se tamben.
    Agora a escola, que sempre foi uma instituição educadora e instrutora, passou a ser exigida como formadora de valores, acho que a família tem que manter seu intransferível papel de educar seus filhos. Eu cheguei a conclusao que a familia jamais dexaira de ser a base da sociedade mesmo que sofra modificacoes e adptacoes aos avances socias, mesmo assim deberá ser norteada por regras morais que serao inherentes a cada grupo familiar.O número de filhos mudou também. Era normal que o casal tivesse quatro, cinco ou seis filhos; hoje é somente um ou no máximo dois ou três.
    Outros mudancas foram as diverções: como a música, as brincaderias das crianças, eles brincaban entre eles e tinham mais imaginação para inventar novas brincadeiras, para crescer e desenvolver seu potencial. Agora são mais sedentarios promoviendo obesidade ifantil.
    Carmen Bautista A.

    ResponderExcluir
  28. Quanto à família:
    - As famílias eram mais conservadoras, só los homens eram quem so estudavam, trabalhavam e eram os chefes das famílias. Hoje felizmente mudo todas essas ideas y pensamento tão louco pois as mulheres não eram consideradas para nada e seus opiniões eram ignoradas.

    As mãe tinham muito filhos e algumos deles so tinham educação completa.


    Ao trabalho:
    Todos os altos cargos ou de confiança era solo para os homens, os gerentes so homens e as mulheres tinham o cargo inferior, havia mais estabilidade laboral, você decidia em que momento mudava de trabalho; hoje para ter un trabalho quase seguro você deve estar estudando continuamente.

    Antes o horário de trabalho era fixo e agora você tem hora de entrada mas não de saida como eu.


    A diversão:
    A maior festa eram de dia e se divertiam sem necessidade de amanhecer até o dia seguente como hojé que todos os dias nós podemos encontrar una discoteca aberta e deve ter muito cuidado quando saem pois o perigo e violência acrescenta cada dia mais.

    Pamela T. Cossío C.
    Segundo Ciclo (Segundas e Quartas-feiras 5:00pm - 7:15pm)

    ResponderExcluir